O ESPAÇO ORGANIZACIONAL E O ESPAÇO DA CIDADE: AS DIVERSAS FORMAS DE APROPRIAÇÃO FÍSICA E SIMBÓLICA DE UM CENTRO COMERCIAL EM PORTO ALEGRE

  • Marina Dantas de Figueiredo Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Neusa Rolita Cavedon Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: Espaço Urbano, Equipamentos Urbanos, Etnografia, Representações Sociais, Cultura Organizacional

Resumo

O objetivo deste trabalho é observar como o espaço privado de uma organização é apropriado para a convivência de grupos sociais diversos, em razão da escassez de equipamentos urbanos, que obriga o confronto entre modos de vida diferentes, mediante a apropriação física e simbólica de um mesmo espaço. Através do estudo foi possível perceber que a organização em questão está em meio a relações combinadas e, ao mesmo tempo, contraditórias, que caracterizam o espaço urbano e que se contrapõem a ordem, a racionalidade e a norma, de um lado, e a desordem, a espontaneidade e os desejos de prazer, do outro. Entendemos, portanto, que a organização estudada deve ser percebida como um equipamento da cidade, e seus objetivos econômicos devem estar em concordância com a função que o espaço organizacional ocupa no contexto urbano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marina Dantas de Figueiredo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Doutoranda em Adminstração pelo Programa de Pós Graduação em Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
Neusa Rolita Cavedon, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Doutora e Mestre em Administração pelo PPGA/EA/UFRGS,  Mestre em Antropologia Social pelo PPGAS/UFRGS, professora associada da Escola de Administração da UFRGS e pesquisadora do CNPq. 
Publicado
27-12-2012
Como Citar
Figueiredo, M. D. de, & Cavedon, N. R. (2012). O ESPAÇO ORGANIZACIONAL E O ESPAÇO DA CIDADE: AS DIVERSAS FORMAS DE APROPRIAÇÃO FÍSICA E SIMBÓLICA DE UM CENTRO COMERCIAL EM PORTO ALEGRE. Gestão E Sociedade, 6(15), 227-253. https://doi.org/10.21171/ges.v6i15.1627
Seção
Edição temática "Cidade, Cidadania e Dinâmicas Organizativas"