[1]
A. de F. M. Vargas, M. M. Campos, e D. de S. Vargas, “O RISCO DOS EXTREMOS: UMA ANÁLISE DA IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA MAIS MÉDICOS EM UM CONTEXTO DE VOLATILIDADE ORÇAMENTÁRIA”, GeS, vol. 10, nº 26, p. 1313-1326, jul. 2016.